Pesquisa Marcas de Franchising

Conceitos franchising

Franchising: conceitos básicos

Alguns dos principais conceitos que se devem conhecer para entrar no sistema de franquicia. + Ver Mais.

Mulher emprendedora

Existem vários estudos sobre o papel das mulheres no mundo dos negócios e quase todos demonstram que existe uma acrescente tendência de liderança no sector de franchising, uma consequência da forma como as mulheres abraçam os desafios que se lhes colocam. Comprar um negócio franchisado é uma das grandes decisões que muitas mulheres, a determinada altura, decidem tomar, por variadíssimos motivos, muitos coincidentes até com as mesmas aspirações de empreendedores. Dois géneros, um interesse comum: atingir o sucesso económico. É na maneira como cada um faz utilização dos recursos para atingir esse objectivo onde reside a diferença.

A Corven, uma empresa australiana que faz pesquisa, também na área do franchising, desenvolveu um estudo sobre como as mulheres interagem no processo de integração no franchising. Uma das conclusões a que chegou foi que “as mulheres tendem a ser mais cautelosas, metódicas e orientadas para a pesquisa exaustiva, adoptando processos de tomada de decisão altamente cooperantes, onde serão sempre pesados no prato da balança: necessidade e oportunidade”.

O estudo foi desenvolvido, na Austrália, a partir de um universo relativamente pequeno de mulheres franchisadas entrevistadas, cerca de 32 participantes, e posteriormente foram feitas mais 10 entrevistas a franchisadores e profissionais que trabalham na área de recrutamento e selecção em franchising.

Conheça as linhas gerais e as principais conclusões desta pesquisa

“As mulheres estão mais empenhadas em proteger e a preservar o seu estilo de vida, a vida pessoal e a sua situação familiar e não abdicarão destes elementos fundamentais por um negócio que não se mostre viável”. “85% das franchisadas entrevistadas consideraram, a determinada altura, um negócio de franchising porque este lhes iria fornecer um sistema de negócio comprovado, apoio e ferramentas e porque lhes permitiria integrar uma rede e uma marca fortes, com maior probabilidade de sucesso”. “Os franchisados, motivados pela vontade de terem mais controlo no negócio, têm maiores hipóteses de terem uma melhor performance no franchising e, por outro lado, franchisadas motivadas pelo desafio pessoal também têm as mesmas hipóteses”. “Serão as mulheres totalmente adversas ao risco? Nem por isso. As mulheres também correm riscos em relação a negócios de franchising, desde que as suas preocupações sejam bem atendidas.

O estudo sugere que as preocupações das mulheres são variadas e não lineares”. “Pode dar-me os pormenores da estrutura da franquia, do seu modelo actual e como foi desenvolvido? Pode partilhar comigo a direcção estratégica e em que se vai basear o plano de franchising nos próximos 5 a 10 anos? Pode disponibilizar-me os dados e a pesquisa demográfica, bem como outras questões relacionadas com o acordo sobre a localidade e o território? Como classifica um “franchisado de sucesso” no vosso sistema, quem são esses franchisados e o que fizeram para alcançar esse sucesso? Que informações nos pode fornecer sobre as finanças e o retorno de investimento dos vossos franchisados? Como me vai ajudar a atingir os meus objectivos de negócio? São algumas das preocupações”. “As mulheres vão bem preparadas para a primeira reunião, com uma pesquisa detalhada e as questões bem definidas. O follow up é minucioso, por vezes levado ao extremo, podendo tornar o processo um bocado lento, mas uma vez comprometidas, as mulheres tendem a ser mais rápidas a fazer com que as coisas aconteçam”. “As mulheres têm uma capacidade natural para o relacionamento interpessoal, organização, desenvolver múltiplas tarefas ao mesmo tempo e gestão de recursos humanos”.

“A maior parte das mulheres que procuram um negócio franchisado fazem-nos tentando uma conciliação do negócio com a vida familiar e, no processo, querem entrevistar outras franchisadas na mesma condição, para descobrirem como podem “ter tudo”. “As mulheres quando decidem avançar com um negócio de franchising, recorrem à opinião e procuram o aconselhamento junto dos bancos, filhos, amigos, ex-franchisados e a pessoa que está a conduzir o processo de recrutamento, considerando fulcral o feedback de actuais franchisados, consultores, profissionais e parceiros”.

“Estudos preliminares indicam que as mulheres consideram o franchising por um vasto leque de razões, sendo as necessidades de informação igualmente variadas. As mulheres neste processo são organizadas, metódicas, informadas e mais do que predispostas a atrasar o processo a favor de uma maior pesquisa e cooperação”. “É preciso haver um bom pressentimento em relação a uma oportunidade que surja no franchising, tem que haver uma ligação emocional. Enquanto alguns podem gritar: “mostrem-me o dinheiro”, outros podem simplesmente dizer: “preciso de sentir a emoção”.

Novos Franchisings

Artigos

O início de uma grande caminhada começa com pequenos passos

Quando uma empresa decide crescer, através do sistema de franchising, encontra naturalmente uma série de obstáculos, os quais tem que saber enfrentar com firmeza e determinação, para que os sonhos não se transformem em pesadelos. Que regras devem seguir? Que aspectos a ter em conta?

Ler mais...

Perguntas que devem ser feitas antes de investir numa franchising

Antes de investir num franchising deve fazer um estudo sobre o que você quer, o que tem, o que pode fazer, e observar cuidadosamente quais os benefícios que podem ser obtidos através desta nova oportunidade de negócio. A consultora BeFranquicia diz-lhe 5 perguntas que deve fazer a si próprio antes de comprar um franchising.

Ler mais...